Allen Key lança o tão aguardado álbum de estreia, 'The Last Rhino'

8:43 PM

Allen Key - Caike Scheffer

Álbum contém os quatro singles anteriormente lançados e mais quatro ainda inéditas, como a potente música título

Allen Key, um dos grandes expoentes do hard e heavy rock brasileiro, anunciou na última sexta-feira, 24/09, a chegada de "The Last Rhino", o tão aguardado disco de estreia. O registro de estúdio traz oito faixas totalmente viscerais e que refletem com perfeição a harmonia e entrosamento de Karina Menascé (vocal), Pedro Fornari (guitarra), Victor Anselmo (guitarra), Felipe Bonomo (bateria) e William Moura (baixo). A produção, mixagem masterização ficaram nas mãos competentes de Wagner Meirinho. 

As faixas de The Last Rhino foram compostas em diversos fases da Allen Key, algumas desde quando eram somente Karina e o guitarrista Victor Anselmo da atual formação, além de outras que ganharam novos contornos com a entrada de Pedro Fornari, Felipe Bonomo, e William Moura. Todas as letras são todas de autoria da vocalista. "São a minha realidade. Basta ler as letras da Allen Key para entender um pouco da minha vida. É meu diário", revela Karina.

O álbum inicia com um verdadeiro pé na porta. A faixa-título "The Last Rhino" apresenta uma sonoridade fortemente influenciada no metal. Guitarras poderosas, bateria muito marcante e destaque para a voz de Karina que alcança tanto os gutural quanto notas mais altas. A letra aborda de forma assertiva e consciente sobre a superação de questões emocionais e mentais. Na sequência, "Straw House" mantendo o mesmo peso, mas com uma inspiração mais puxada para o hard rock, com um toque melódico e com um refrão que faz com que se conecte rapidamente com a música. 

Partindo para a metade do álbum temos "Love You More" que dá uma desacelerada na velocidade das guitarras, mas não diminui o peso da distorção. A bateria ritmada chamada bastante atenção. Assim também em "Illusionism" que claramente flerta com o lado mais melódico do quinteto. Aqui literalmente o amor é retratado em sua pureza tanto no momento de se apaixonar quanto em ocasiões de desilusão. 

Para a segunda metade de "The Last Rhino", a sonoridade volta a ganhar perfil heavy metal com "Granted" e "Mr. Whiny". Respectivamente, as letras tratam de agressões, principalmente psicológicas, através de relacionamentos abusivos e bullying. 

"Goodbye" e "Flourish" são duas faixas que mostram um lado mais vulnerável e melódico do quinteto paulista. Ambas músicas apostam em uma sonoridade acústica utilizando piano, violão e violino. Os belos arranjos encantam e aliados com o alcance vocal de Karina concluem o álbum de forma primorosa. 

"The Last Rhino" é um álbum honesto, coeso e coerente em sua proposta. É notório as várias influências e inspirações como Evanescence, Halestorm e até no heavy metal mais clássico como Black Sabbath. Os elementos sonoros utilizados foram ricos de técnica e cheios de texturas com piano e orquestra. É um primeiro registro de estúdio bastante promissor e que definitivamente chamará atenção desde o metaleiro mais fervoroso até o apreciador de um pop rock. 


O desenho da capa do disco foi feito por Ricardo Bancaleiro. Ele deu vida a uma ideia 'maluca' e complexa da Karina. 

A ideia, ela conta, era fazer uma capa que se formasse a partir de cada capa dos singles e por isso cada uma tem um rinoceronte em distintas situações, de acordo com a letra da música. "E a história do rinoceronte é uma analogia à trajetória da Allen Key: a banda nascendo e vivendo", ressalta Karina.

Ouça "The Last Rhino" na íntegra:

Posts Que Talvez Você Goste

0 comentários

Não esqueça de deixar seu comentário! Ele é muito importante para nós!