Anna Maz conta sobre a sua promissora carreira na música

10:00 AM

Anna Maz - Foto: divulgação
A jovem musicista de 18 anos vem fazendo uma maravilhosa contribuição ao rock'n'roll  

Texto: Ingrid Natalie (instagram: @femalerocksquad)

A frase "o rock'n'roll salvou a minha alma" se aplica corretamente a musicista Anna Maz. Desde muito cedo, ela recebeu influências de grandes nomes como Ronnie James Dio e Iron Maiden. Com 6 anos de idade, já começou aulas de teclado e a cantar em um coral de igreja. A paixão e a vontade de trabalhar com música surgiu como consequência de todo esse aprendizado. Desde então, a jovem cantora de 18 anos vem ajudando a promover o rock em sua cidade natal Pará de Minas, Minas Gerais, que possui aproximadamente 100 mil habitantes. A cada show conquista mais admiradores. Conheça mais sobre a história dessa excelente cantora com esse belo legado nas mãos: 

FRS: Nos conte dos seus primeiros passos, como que começou a sua paixão por música?

Anna Maz: Eu cresci com meu pai ouvindo Ronnie James Dio e Iron Maiden, então o rock sempre esteve muito presente em minha vida. Aos 6 anos minha mãe decidiu me colocar na aula de teclado, o que me ajudou muito a desenvolver meu vocal, depois entrei em um coral de igreja, aprendi violão e desde então então consigo passar um dia sem música. Como disse Nietzsche “sem música a vida seria um erro”.

FRS: Em alguns vídeos vimos que você tem muitas referências de vocal  lírico. Quais são as suas principais inspirações? 

Anna Maz: Sem pensar duas vezes Tarja Turunen e Simone Simons (Épica), elas são de longe minhas maiores inspirações. E também sou extremamente apaixonada pelo musical “ O fantasma da ópera” e já tive até a maravilhosa oportunidade de interpretar Christine, então se personagem fictício conta, também me inspiro em Christine Daaé. 

FRS: Quais bandas você já fez parte? Pode nos contar da sua trajetória?

Anna Maz: Minha primeira banda foi aos 11 anos. Aquelas bandas de escola sabe? Estávamos ensaiando pra uma apresentação que ocorreria, entretanto por força maior não pude participar do evento. Depois tive algumas outras, uma acabou antes mesmo de os ensaios engatarem, e outra fizemos apenas um show. Todas ajudaram no meu crescimento, tanto vocal quanto pessoal. Hoje estou com o Jax, Betinho e Pc, e juntos formamos a “Annamaz”. Eles são maravilhosos...haha

Como disse Nietzsche “sem música a vida seria um erro” - Foto: divulgação
FRS: Sabemos que é grande fã de Greta Van Fleet,  inclusive sendo uma das fundadoras da página Greta Van Fleet Brasil. Como que você conheceu a banda e o quanto eles te inspiraram a chegar aonde você está hoje?

Anna Maz: Nunca vou me esquecer do dia que conheci o Greta....hahaha...estava na casa de uma amiga, e o pai dela chamou a gente dizendo “meninas, venham aqui, quero mostrar uma banda pra vocês. O Robert Plant disse que eles são os filhos do Led Zeppelin” e aí colocou o vídeo de Highway Tune... quando ouvi a voz do maravilhoso Joshua Kiszka me apaixonei imediatamente. Eles acenderam em mim aquela chama de que rock não morreu e nunca vai morrer. E vê-los (ou ouvi-los kk) tocando me faz querer melhorar mais e mais. Tive a oportunidade de ir ao show deles em São Paulo, e cara... isso só aumentou o meu amor. Na minha opinião eles são muitíssimo importantes pra história da música. E sem duvida alguma pra minha história também, graças a eles vivi experiências maravilhosas e conheci pessoas mais maravilhosas ainda. Então minha gratidão ao Greta além de “musical” também é pessoal.


Veja Anna Maz cantando "A Change Is Gonna Come":


FRS: Você mora em uma pequena cidade de Minas Gerais, qual o seu sentimento por ser uma das responsáveis da propagação do estilo?

Anna Maz: Eu fico extremamente feliz de contribuir nem que seja um pouquinho com cenário do rock na minha cidade. É muito bacana ver que a galera gosta e abraça  meu trabalho. 

FRS: Qual a importância de ser uma mulher fazendo rock'n'roll?

Anna Maz: Eu sempre admirei cantoras como Amy Lee, Christina Scabbia, Alissa White-Gluz e claro Tarja Turunen e Simone Simons. Elas chegam e fazem rock, fazem maravilhosamente bem e fazem por amor. Mostrando que o rock é para todos, independentemente do gênero. Essa é a importância!

FRS: Pra finalizar, o que podemos aguardar da Anna Maz em um futuro próximo?

Anna Maz: Eu escrevo musicas já há um certo tempo. Ultimamente minha banda e eu temos trabalhado nelas,e  pretendemos lançar em breve. Também temos pensado em clipes, fotos novas etc.  Procuramos sempre melhorar a banda e trazer pra galera um som com cada vez mais qualidade. Evoluir, evoluir e evoluir! SEMPRE!

Posts Que Talvez Você Goste

0 comments

Não esqueça de deixar seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Galeria FRS!