The Maine encanta público com novo trabalho de estúdio

2:09 PM


"Lovely Little Lonely" é o sexto disco do quinteto de Arizona. A banda apresentou os novos sucessos para público paulista no último sábado, 15/07.

Por: Ingrid Natalie (twitter:@ingridnatalie)

The Maine é um dos principais nomes do “novo rock alternativo”, sendo bem conhecidos por sua diversão e por uma mistura incrível de originalidade e talento. Formado no Arizona, em 2007, por John O'Callaghan (vocal), Pat Kirch (bateria), Jared Monaco (guitarra), Garrett Nickelsen (baixo) e Kennedy Brock (guitarra), a banda consegue misturar diversos elementos do rock'n'roll e continua a conquistar fãs com sua sonoridade que gruda igual chiclete. É uma década de muito esforço e com 6 discos de estúdio.

A banda fez sua quinta passagem por terras tupiniquins, desta vez para promover o seu mais recente e sexto trabalho de estúdio, "Lovely Little Lonely". O álbum sucessor de "American Candy" (2015) traz vários componentes do pop juntando com uma atmosfera bastante rock'n'roll com faixas como "Do You Remember", enquanto a "Black Butterflies & Deja Vu" usa um vocal mais melódico. E "Bad Behavior" é daquelas músicas que te faz cantarolar o dia inteiro. Este trabalho é um enorme sucesso, vem recebendo ótimas críticas de todos os antigos e novos fãs, além de já ser considerado um dos melhores lançamentos de 2017.

Na sexta-feira, 14/7, conversamos com os músicos Garrett Nickelsen, Pat Kirch e Kennedy Brock que comentaram sobre a produção do novo álbum e desta passagem pelo Brasil. A respeito do início da composição do disco Garrett comenta, "começou quando estávamos em turnê mundial no último verão. John começou a pensar e escrever canções. Começou por uma ideia básica do que ele tinha em mente. Mas, esta vez ele fez muita coisa no computador, adicionou "bateria falsa", guitarra e muita coisa que normalmente não faríamos. Ele nos deu uma ideia mais clara do que ele pensava e então nós nos encontramos depois da turnê mundial e começamos a trabalhar". Pat também complementa dizendo que a banda não tem medo de refazer alguma música quando eles escutam demo versus o que está no disco. A faixa "Taxi", por exemplo, foi totalmente descontruída.

"Lovely Little Lonely" era um nome que John tinha já algum tempo. O título foi retirado a partir de um poema escrito pelo vocalista. Já em relação a faixa que mais representa o momento da banda todos concordaram que "Black Butterflies & Deja Vu" carrega todos os elementos do álbum.

Eles não escondem o amor pelo Brasil. Kennedy comenta que a cada passagem pelo país, eles recebem mais carinho do fãs. "Ser a primeira banda a tocar na lua", brinca Garrett sobre o que a banda ainda pretende alcançar com a música. "Fazer isso por um longo tempo já é uma meta. Construir um catálogo que permaneça durante os anos", declara Pat Kirch.

Veja a entrevista completa:


No mesmo dia eles atenderam outros jornalistas e realizaram um pocket show tocando as músicas "I Only Wanna Talk To You" e "Bad Behavior". Assista ao vídeo abaixo:


No sábado, 15/07, a banda se apresentou em São Paulo no Tropical Butantã. Veja a resenha da nossa amiga  Letícia Lima do blog Diário de Shows.

The Maine durante apresentação em São Paulo - Foto: Letícia Lima

Posts Que Talvez Você Goste

0 comments

Não esqueça de deixar seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Galeria FRS!