Foster The People faz apresentação primorosa em São Paulo

4:28 PM


Mark Foster durante show na Audio Club. Foto: Ingrid Natalie  
Banda vencedora do Grammy 2011 encantou o público paulista com show impecável

Dizem que o outono é uma estação cinzenta, triste e melancólica. No entanto, essa descrição não se aplica para a temporada repleta de shows internacionais em terras tupiniquins, que certamente traz uma energia renovadora. No último sábado, 28/03, acompanhamos um dos primeiros shows dessa série de apresentações. A banda californiana Foster The People retornou após 3 anos desde a última vinda em 2012 performando no palco da casa de shows Áudio Club (Av. Francisco Matarazzo, 694 - São Paulo) ás 0:30. Essa apresentação fez parte do Lollaparty antes do evento principal que seria no dia seguinte.

Mais maduros e precisos nos acordes e batidas o trio liderado pelo vocalista Mark Foster provou porque se tornou relevante no cenário musical de hoje. A forma com a qual a banda te envolve na sonoridade, um momento dançante outro reflexivo, é inexplicável. O setlist começou com a viagem psicodélica de "Pseudologia Fantastica", faixa que integra o álbum "Supermodel" (2014). Em seguida o grupo executou a aguardadíssima "Houdini" que teve uma leve experimentação no meio sendo adicionado batidas eletrônicas  e acordes de violão. 

Mesmo com a ausência do baixista Cubbie Fink, o substituto Gabriel cumpriu seu papel com louvor, bem como os músicos de apoio Sean Cimino, Isom Innis e Phil Danyew mostrando toda a versatilidade variando de instrumentos. Além disso, Mark Foster interagia constantemente com o público movimentando-se de um lado para o outro do palco e esbanjando simpatia sorrisos e olhares. 

Mark Foster durante show na Audio Club. Foto: Ingrid Natalie
O repertório privilegiou o último álbum da banda. Estiveram presentes as músicas "Coming Of Age" primeiro single divulgado, "Best Friend" de ritmo dançante e com uma mensagem forte sobre como a mente pode pregar peças conosco, "Nevermind" com uma introdução totalmente inspirada em MPB e uma letra muito reflexiva, "A Beginner's Guide To Destroying The Moon" pesadíssima e com um ar forte de posicionamento de opinião, "The Truth" suave e encantadora, e "Are You What You Want To Be" aonde os fãs realizaram um flashmob levantando plaquinhas com a sílaba "NA" que indica o início da música. 

Mark Pontius durante show na Audio Club. Foto: Ingrid Natalie
Obviamente alguns sucessos de "Torches", álbum de estreia da banda lançado em 2011, não poderiam ficar de fora. Foram inclusas as músicas "Helena Beat", "Call It What You Want", "Waste", e a clássica "Pumped Up Kicks" levando o público ao clímax do show. A supresa ficou durante a música "I Would Do Anything For You" que não era tocada a bastante tempo. A eletrizante "Miss You" deu os acordes finais a um show memorável. Vale citar também que nessa música a banda inteira dá muito esforço e suor. Ver isom realizando a percussão com toda força e Mark Foster indo ao limite da energia é empolgante e impactante. Um show simplesmente impecável.

Certamente a banda ficou satisfeita com a recepção do público paulista. Os fãs saibam do início até o fim as letras de todas as músicas e dançaram com muita empolgação. Foto: Ingrid Natalie

Posts Que Talvez Você Goste

0 comments

Não esqueça de deixar seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Galeria FRS!