Little Drop Joe: ligação do sudeste com o nordeste no mais perfeito rock'n'roll

3:23 PM

Little Drop Joe  - Foto: Lila Ferradans
O trio paulista faz uma mistura interessante com riffs de guitarras pesados com o gingado do nordeste

Por: Ingrid Natalie (twitter: @ingridnatalie)

As bandas Raimundos e Nação Zumbi são conhecidas por suas sonoridades únicas e marcantes. Agora, imagine uma mistura desses dois ícones do rock brasileiro. O resultado chama-se Little Drop Joe. O trio oriundo de São Paulo conta em sua formação com Massud (bateria), Adriano Eliezer (vocais e guitarras) e Marcello Batistella (vocais e baixo). Eles prometem fazer um bom barulho no cenário atual ou como a própria banda se intitula "Pancada de São Paulo com Nordeste dos capeta" .

O início da carreira se deu em torno de julho de 2013 quando os amigos de faculdade decidiram dar continuidade a um antigo projeto. No mesmo ano eles lançaram o disco intitulado "Prisão", que contém 9 faixas. O single "No Bico do Oboé", lançado em 2014, trouxe uma presença mais marcante elementos brasileiros moldados à dinâmica de um power trio. Após mudanças na formação, muito esforço e perseverança o trio lançou o álbum "Mestiço" em 9 de junho de 2015. É o segundo álbum da banda e a produção foi da responsabilidade de Tadeu Patolla (Charlie Brown Jr, Fernanda Porto, Strike). O produtor caracteriza o registro como,“sonoridade foda, moderna, que visita o metal, stoner, acid, pós punk, tudo que é visceral nesse universo roqueiro e com uma clara influência de música nordestina da boa! E tudo isso ainda soa progressivo. Nao é comercial, graças a Deus!! Mas é um chiclete diferente, pesado, atonal e cheio de dinâmica, energia de sobra e furioso as vezes! É mole?”. Mestiço contém 6 faixas e encontra-se disponível em todas as lojas virtuais e plataformas gratuitas de download.

O lançamento de "Mestiço" configurou o começo da turnê da banda pelo sul e sudeste do país. Já tem shows agendados na capital paulista, pelo interior de São Paulo e em Paraty (RJ). Confira nossa entrevista com o vocalista, Adriano, que nos contou mais sobre o início e a fase atual da banda, além de detalhar os planos futuros do Little Drop Joe:  

FRS: Como surgiu a banda e o início da carreira de vocês?

Adriano Eliezer: Todos nós passamos por algumas bandas na adolescência, sempre de rock. Por volta de 2010, na faculdade, eu e o Ivan começamos a tocar juntos. Na época começamos um projeto chamado Lunário, que conversava de alguma maneira com o que o Little Drop Joe faz hoje. Era com outra galera e o projeto acabou não vingando, mas eu e Ivan continuamos fazendo sons. Lá para o meio de 2012 o Leo, nosso antigo baixista, entrou na bagunça e aí surgiu essa banda que depois viria a se chamar Little Drop Joe. No lugar do Leo, há mais ou menos um ano, entrou o Marcello, e recentemente a correria começou a ficar mais intensa e o Ivan não tava afim de acompanhar. Agora o Massud acabou de entrar no lugar dele para quebrar tudo.

FRS: Como veio a ideia do nome "Little Drop Joe"?

Adriano Eliezer: Cara, do jeito mais babaca possível hahaha. Em 2013, quando a ideia da banda já estava mais construída, nós já tínhamos músicas para um primeiro disco mas não tínhamos nome. Rolou aquela força tarefa para encontrar nome e como toda banda, só vinha ideia merda. Em algum momento a gente decidiu que iríamos ficar uma dessas ideias merdas e pronto hahaha. Não lembro quem foi, mas tenho um vaga lembrança de ser o Leo. Em algum momento bêbado no bar que a gente costuma frequentar ele soltou que Zé Gotinha em inglês seria Little Drop Joe. Todo mundo rachou o bico de rir e o nome da banda estava dado.

FRS: Vocês acabaram de lançar o álbum "Mestiço". Conte-nos mais sobre a produção e as influências desse registro.

Adriano Eliezer: O nome desse disco define muito bem o que ele é. Uma mistura de ritmos brasileiros com rock do século XXI e uns temperos progressivos dosados aqui e ali. As músicas desse disco começaram a nascer quando a gente tava terminando o primeiro disco. De lá pra cá foram surgindo mais ideias. Tem influência do Alceu, do Zé (Remalho), do Geraldo Azevedo, do Gil, mas também tem do Queens of the Stone Age, do Foo Fighters, do Helmet. É uma salada. Engraçado é que, como a gente é lesado, uma semana antes de entrar em estúdio ainda não havíamos fechado totalmente as músicas! Fizemos um intensivo de horas infinitas e deu tudo mais que certo – agora a gente sabe que funciona bem sob pressão. 

Dali para frente a produção do Tadeu Patolla, que é fera e já produziu muita gente foda. A gravação ficou por conta do Luiz Leme, que é um mestre na engenharia de áudio, e foi tudo gravado no Estúdio Cayres, do nosso amigão Edu Cayres. É um disco de muita pesquisa de sons diferentes, que serve pra bater cabeça, pra dançar ou pra curtir os arranjos com ouvido atento. Tem pra todo gosto hahaha


"Mestiço" do Little Drop Joe faz caldeirada de ritmos
FRS: Qual a opinião de vocês sobre a atual cena rock independente?

Adriano Eliezer: Olha, é sempre complicado falar sobre a tal de cena. Já tiveram tempos mais animados, mas tem muita gente com banda nova quebrando tudo por aí, fazendo show cheio de gente, botando música boa no ar e fazendo acontecer. A questão é que existe um jeito novo de trabalhar música, que pouca gente já sabe ou consegue realmente fazer bem. A gente mesmo, ainda tá aprendendo. Tem muita gente que reclama muito, e tudo bem, cada um no seu direito, mas a gente prefere usar o tempo para arregaçar as mangas e correr atrás.

FRS: Para concluir, quais os planos futuros da banda?

Adriano Eliezer: Vish! Como quase toda banda independente, a gente faz tudo sozinho. De mandar produzir merchandising até marcar cada show. Tem amigos lindos do coração que ajudam a gente aqui e ali. Mas não é tipo ter um escritório te livrando da responsa. Então a gente está tão enlouquecido de funças nesse primeiro momento de lançamento, que tá difícil fazer planos! Mas pra adiantar alguma coisa, além dos shows da turnê pelo sul e sudeste, que já estão brotando, a gente também pretende fazer logo logo um disco com versões acústicas com as músicas que funcionam bem nesse formato, e nos próximos meses também deve sair um single novo. O importante é não parar!

Ouça a música "Mar em Você" 

 

Siga a banda nas redes sociais:
Facebook: https://www.facebook.com/Littledropjoe
Twitter: https://twitter.com/littledropjoe
Soundcloud: https://soundcloud.com/littledropjoe

Posts Que Talvez Você Goste

0 comments

Não esqueça de deixar seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Galeria FRS!