Conheçam a nossa aposta de sucesso, Natasha Aretha

10:33 PM

Natasha: "É mais que claro que cantar é minha vida" 

Por: Ingrid Natalie (@ingridnatalie)

Em meio ao labirinto cibernético das redes sociais encontramos um novo talento feminino, Natasha Aretha. A alagoana de 29 anos, encontrou na banda californiana Red Hot Chili Peppers sua maior inspiração para seguir a carreira como musicista, e podemos afirmar que no que depender do talento dessa nossa aposta ela vai chegar longe! 

Descobrimos Natasha ao assistir um vídeo dela usando somente violão e voz, ela estava executando uma composição própria. O timbre suave dela assemelha-se com as vozes de Paula Toller (Kid Abelha)  e Marisa Monte, é uma voz com tom aveludado possuindo agudos claros e fáceis, praticamente um algodão doces pros ouvidos.

Natasha gentilmente concedeu uma entrevista para o FRS. Acompanhe a trajetória dessa talentosa artista:

FRS: Como que você começou a sua paixão por música?

Natasha: Minha mãe sempre relata que eu costumava imitar cantores, fazendo showzinhos para meus ursinhos de pelúcia na sala da minha casa com um microfone da Xuxa e um violão de brinquedo (risos)! Creio que daí já tinha um caminho a seguir. Mas, a paixão inadiável veio na pré-adolescência assistindo shows incríveis como os de Madonna, Michael Jackson e Rolling Stones na TV...sempre tive ótima influência musical da parte de minha mãe ,música sempre estava presente desde a minha infância.

FRS: O que te fez decidir que essa seria sua profissão?

Natasha: Eu nunca parei pra refletir se era isso que eu queria na minha vida. É mais que claro que cantar é minha vida e é o que eu desejo desde sempre.

FRS: Sabemos que é grande fã de Red Hot Chili Peppers, como que você conheceu a banda e o quanto eles te inspiraram a chegar aonde você está hoje?

Natasha: Completamente alucinada!!! Em meados de 97/98 a MTV chegou na minha cidade e nos primeiros dias assistindo a programação numa manhã me deparei com o clip de "Give It Away" passando... Então foi aquele Wooouuuw!!! Fiquei travada na tela .Foi amor a primeira vista!Já havia escutado algumas bandas de Rock,mas nunca tinha ouvido algo tão único e positivo. A partir disso minha vida musical mudou radicalmente,eles foram e ainda são o principal impulso na minha caminhada como cantora.

FRS: Quais outros artistas influenciam você?

Natasha: Faith no More, Incubus, Jamiroquai, Prodigy, Rammstein, Madonna, Tina Turner, Michael Jackson, a cena Rock Nacional dos anos 80.  E também a cena musical Internacional dos anos 80 tem sido muito presente em meus trabalhos atuais.

FRS: Quais bandas você já fez parte.? Pode nos contar da sua trajetória?

Natasha: Eu comecei a formar bandas em 99 e ao mesmo tempo fazendo aula de canto. As 2 primeiras bandas formadas por mim não foram bem sucedidas (risos), mas é assim que se vai aprendendo a lidar ...só em 2006 eu e mais 3 amigos formamos uma banda cover RHCP e chamamos de Cabron, nunca saímos do estúdio e infelizmente veio a acabar devido a nossa vida escolar.

Não lembro ao certo se nesse mesmo ano ou em 2007 alguns colegas da escola de canto, através do Recital decidimos nos reunir para tocar e trocar experiências e acabou em RHCP (risos), mas dessa vez foi irado pois fizemos um show no interior do estado ,então essa foi minha primeira experiência com público rock, apesar de ainda sermos muito novos na música e também pela idade foi muito legal aquela oportunidade. Mas, não deu pra continuar a ideia,mais uma vez a vida escolar era prioridade;nossos pais apoiavam mais sabe como é ...(risos)....Através desse show eu conheci uns caras que mandavam muito bem como banda ,então eles me convidaram pra fazer uma banda cover de RHCP creio que a única da época a ter um vocal feminino, foi sensacional a experiência!Tocamos em festivais,vários shows ... Aprendi muita coisa sobre música,sobre performance e praticamente tudo o que sei fazer foi praticado ao vivo rsss e eu sou muito assim ,muito "agora" .

Minha evolução a partir daí foi natural, foram várias conquistas graças... :). Por motivos pessoais sai da banda e continuei em minhas aulas de canto.Em 2011 veio a Nookie uma banda de Pop Rock que teve atividade ate 2013 e desde lá estou em carreira solo finalmente.

Estou terminando um CD com minhas maiores influências,estarei lançando ainda este ano,e estou de cabeça em um EP autoral ao mesmo tempo trabalhando em outro projeto solo de música eletrônica. Muita coisa boa esse ano tá pra acontecer e que assim seja!

FRS: Vimos que está trabalhando em composições próprias. Você é daquele tipo de compositora que tem um ritual pra escrever ou que acorda no meio da noite quando surge uma ideia?

Natasha: Eu sou daquela que acorda no meio da noite com idéias (risos). Tem que vir naturalmente,eu não sigo um ritual pra isso.Tem que ter haver com o que estou passando no momento. Ou com as experiências que eu presencio  e as que acontecem comigo.

FRS: Você pretende disponibilizar suas músicas para download?

Natasha: Com certeza!

FRS: Pra finalizar, o que podemos aguardar da Natasha em um futuro próximo?

Natasha: Uma Natasha mais madura musicalmente, mais forte, mais expressiva e mais explicita sobre o que penso e o que sou em letras e música! Fora que vai ter muito Rock n' Roll misturado a experiências musicais atuais e é claro música de qualidade com idéias "fora da caixa" fora do padrão. :) .....Em breve...

Assistam o vídeo:

Posts Que Talvez Você Goste

0 comments

Não esqueça de deixar seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Galeria FRS!